quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Di

As vezes entro em desespero ao ver as nossas fotografias, ao ouvir as nossas musicas, ao relembrar-me de ti e dos nossos momentos. Dias inteiros passados ao teu lado. Dias que vão ser sempre relembrados.
Há dias em que na minha cabeça só existe tu. Tu e só tu. Inrrita-me essa tua forma de entrares no meu pensamento, quando menos espero. Inrrita-me essa tua forma de me fazeres chorar.
Amo-te de uma forma inesplicavel, mesmo quando me fazes chorar. Mesmo quando me fazes sentir magoada.
Inês Henriques

Sem comentários:

Enviar um comentário

Se eu não gostar de mim, quem gostará?

A minha foto
Portalegre, Portugal