segunda-feira, 27 de julho de 2009

Queria saber se vais voltar

Eu amo-te e nunca te esqueci, nem sei quando te vou esquecer. Não me sais da cabeça, não me sais do coração. Sentia-me tão bem quando estava contigo, sentia-me tão bem quando me beijavas.
Eu tenho a certeza que gostava e gosto de ti, e ninguém pode dizer que não, que não gosto de ti. Porque quem tem o coração sou eu, sou eu que sinto. Podem dizer que és isto, aquilo e o outro, mas eu gosto de ti assim. Podes ter muitos defeitos, mas é assim que eu gosto de ti.
Secalhar se fosses diferente, não me chamavas tanto a atenção, não gostava tanto de ti. Se não fosses como és não te queria tanto como quero. Só queria saber se algum dia vais voltar, se algum dia vou voltar a ter-te comigo. Se quiseres voltar, volta… tu sabes como voltar. Tu sabes como me chamar a atenção. Já me conheces bem, já sabes com o que me sinto bem.
Eu amo-te, nunca te esqueças disso.
«não vale a pena, enganar o coração :$»

Inês Henriques

5 comentários:

  1. amor, ele lá da maneira dele ainda gosta de ti. Foi bastante forte o que vocês passaram e ele decerteza que ainda não esqueceu. Mas não te podes prender a ele, nao te podes "colar" a ele, se vires que ele nao reage, caga e procegue, ele irá sentir a tua falta se é que não sente já. tu ama-lo e ele á maneira dele, também te ama.
    Quero-te sempre bem bébé. e se ele não te amar, tu sabes que eu te amo :D

    ResponderEliminar
  2. Não vale mesmo nada a pena enganar o coração :/ Mais vale continuar a amar e dar tempo ou tempo, ou aceitar o amor e tentar esquecer.
    Força.

    ResponderEliminar
  3. um dia , quem ama de verdade nunca parte e um dia, sempre volta

    ResponderEliminar
  4. Parabéns, identifico-me bastante com este tipo de textos.
    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  5. não fiques à espera da resposta, corre para a apanhares, ou então esquece-a, é o melhor a fazer.

    ResponderEliminar

Se eu não gostar de mim, quem gostará?

A minha foto
Portalegre, Portugal